Histórias   de vida

1965: Criação de animais para alimentação.

Século 20: A matança do porco e o preparo das carnes em casa sempre foram ocasião de convívio entre a família da casa e os vizinhos.

Século 20: A matança do porco e o preparo das carnes em casa sempre foram ocasião de convívio entre a família da casa.

Século XX: Estendendo a roupa.

Século XX: Procissão.

Século XX: Casamento.

Século XX: Produção do linho.

Século XX: Procissão.

Século XX: Exploração leiteira açoriana.

Criação de animais para alimentação.

1965: Apanha do milho.

1968: Carnaval açoriano.

1965: A venda de peixe fazia-se em motas tradicionais.

1965: Plantação de amendoins para consumo próprio.

1966: Professora Virgília com alunos da primária.

1966: Os níveis de iliteracia eram elevados. Surpreendentemente, encontramos na fotografia uma senhora de idade, a ler um livro.

1966: Professora Arménia Maria e Silva com os seus alunos da primária.

Anos 60 Senhora Mercês com o seu neto Laudalino.

Anos 60 Casa tradicional e os seus habitantes. Uma vida de muito sacrifício.

1968: Intervalo de um campeonato regional de ténis de mesa, animado pelo Grupo de Cantares Regional.

1965: Os célebres Renault, utilizado pelas enfermeiras, nas suas deslocações aos dispensários.

Celebrando a Festa do Santíssimo. Vinho, cerveja, caranguejo e batatas cozidas com pimenta, tal como manda a tradição.

1965: Feijão pendurado a secar... no tecto da cozinha... num passado não muito distante.

Anos 60 A tradicionais matanças de porco. Evento que reunia toda a família, amigos e vizinhos. Eram através das matanças do porco que os habitantes conseguiam se alimentar condignamente.

1966: Barbearia: também conhecida como ponto de tertúlia.

1966: Venda de pão numa carroça a cavalo.

Desfolha de Milho.

As mães davam à luz em casa assistidas por mulheres mais velhas e experientes, as quais ainda davam lições de maternidade.

Sapateiro: uma profissão que se encontra em desuso embora necessária para a comunidade.

O amassar e cozer do pão em forno de lenha é uma prática que se tem mantido viva ao longo do tempo.

O amassar e cozer do pão em forno de lenha é uma prática que se tem mantido viva ao longo do tempo.

O amassar e cozer do pão em forno de lenha é uma prática que se tem mantido viva ao longo do tempo.

Lavagem tradicional da roupa.

Lavagem tradicional da roupa.

Século XX: Lavrador da Ilha de S. Miguel.

Século XX: Camponeses da Ilha de S. Miguel.

Posto de Turismo da Maia

Maia's Tourism Office 

Rua do Rosário, n.º9 

9625 - 339 Maia (S. Miguel)

(+351) 296 442 315

pt.m.smg@gmail.com

O amassar e cozer do pão em forno de lenha é uma prática que se tem mantido viva ao longo do tempo.